ESTRATÉGIAS DE CREDITAÇÃO DA EXTENSÃO NOS CURRÍCULOS DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO

Autores

DOI:

https://doi.org/10.31512/vivencias.v17i34.545

Resumo

 O presente artigo analisa a experiência da Universidade de Pernambuco (UPE) no processo de creditação das ações de extensão nos currículos dos cursos de graduação, por meio da análise documental dos Projetos Pedagógicos de Curso (PPC) que já foram reformulados com base nas orientações do Plano Nacional de Educação 2014-2024 e das Diretrizes para a Extensão na Educação Superior Brasileira. A análise foi inscrita numa perspectiva qualitativa e indicou que esta política tem contribuído para fortalecer a articulação entre os eixos ensino, pesquisa e extensão; promover a interdisciplinaridade e a discussão sobre temáticas de grande relevância social; e dinamizar os currículos, por meio da utilização de diversas metodologias e linguagens no planejamento dos componentes que fazem parte do eixo formativo extensionista. Os cursos de graduação têm planejado diferentes modalidades de ações extensionistas, a depender da área do conhecimento do qual estão inseridos e do público-alvo que pretendem alcançar. Observou-se uma predominância da creditação de ações extensionistas realizadas por meio Disciplinas Curriculares de Extensão (DCExts) em relação as Atividades Curriculares de Extensão (ACEs), realizadas por meio de Projetos e Programas de extensão.

Biografia do Autor

Tarcia Regina da Silva, Universidade de Pernambuco, Garanhuns, PE, Brasil

Tarcia Regina da Silva é Doutora em Educação. Professora Adjunta da Universidade de Pernambuco. Coordenadora de Desenvolvimento de Graduação da Universidade de Pernambuco. Coordenadora Institucional do Programa de Residência Pedagógica. Pesquisadora do Programa de Pós-graduação em Culturas Africanas, da Diáspora e dos Povos Indígenas (PROCADI) e do Programa Pós-Graduação em Saúde e Desenvolvimento Socioambiental (PPGSDS). 

Cleyton Mário de Oliveria Rodrigues , Universidade de Pernambuco, Garanhuns, PE, Brasil

Cleyton Mário de Oliveira Rodrigues é Doutor em Ciências da Computação, e professor Adjunto da UPE/Garanhuns. Atua nos cursos de Licenciatura em Computação e Engenharia de Software. Também é professor no Programa de Pós Graduação em Engenharia da Computação (PPGEC-UPE/POLI) e atua na Gestão de Programas e Currículos na Pró-Reitoria de Graduação da UPE.

Andréa Carla Castro e Silva, Universidade de Pernambuco, Garanhuns, PE, Brasil

Andréa Carla Castro e Silva é Doutoranda em Educação no PPGEdu/ UFPE e atua como Pedagoga na Pró-Reitoria de Graduação da Universidade de Pernambuco - UPE.

Charisse Florêncio Pessoa, Fundação de Ensino Superior de Olinda, Olinda, PE, Brasil

Possui graduação em Licenciatura em Pedagogia pela Universidade Federal de Pernambuco, especialização em Educação a Distância pelo SENAC/PE e mestrado em Educação Matemática e Tecnológica pela Universidade Federal de Pernambuco. Atualmente é professora da Fundação de Ensino Superior de Olinda, no Curso de Pedagogia e Analista Técnico em gestão universitária. Tem experiência nas áreas de coordenação educacional, estágio, educação a distância, educação infantil e superior.

Referências

ALMEIDA, Sinara Monica Vitalino de.; BARBOSA, Larissa Marcelle Vaz. Curricularização da Extensão Universitária no Ensino Médico: o encontro das gerações para a humanização da formação. Revista Brasileira de Educação Médica. vol. 43, n.1 supl.1, p.672-680, Brasília, 2019. https://doi.org/10.1590/1981-5271v43suplemento1-20190013. Acesso em: 30 de maio de 2021.

BRASIL. Constituição (1988). Constituição da República Federativa do Brasil. Brasília, DF: Senado Federal: Centro Gráfico, 1988.

BRASIL. Lei nº 9.394 - Lei de Diretrizes e Bases da Educação Brasileira (LDB). Brasília, 1996.

BRASIL. Lei nº 13.005 - Plano Nacional de Educação (PNE) 2014-2024. Brasília, 2014.

BRASIL. Resolução nº 7, de 18 de dezembro de 2018 - Estabelece as Diretrizes para a Extensão na Educação Superior Brasileira. Brasília, 2018.

BENETTI, P. C.; SOUSA, A. I.; SOUZA, M. H. do N. Creditação da EXtensão Universitária os Cur sos de Graduação: Relato de EXperiência. Revista Brasileira de Extensão Universitária, [S.l.], v. 6, n. 1, p. 25-32, jul. 2015. ISSN 2358-0399.

CORTE, Marilene Gabriel Dalla; GOMEZ, Simone da Rosa Messina; ROSSO, Gabriela Paim. Creditação da extensão universitária no currículo dos cursos de graduação: estado do conhecimento. Políticas Educativas, Santa Maria, RS, v. 11, n. 2, p. 17-36, maio 2018.

DEUS, Sandra de. Extensão universitária : trajetórias e desafios. Santa Maria, RS Ed. PRE-UFSM, 2020.

FÓRUM DE PRÓ-REITORES DE EXTENSÃO DAS INSTITUIÇÕES PÚBLICAS DE EDUCAÇÃO SUPERIOR BRASILEIRAS. Política Nacional de Extensão Universitária. Gráfica da UFRGS. Porto Alegre, RS, 2012 (Coleção Extensão Universitária; v.7).

FLICK, Uwe. Introdução à pesquisa qualitativa. Porto Alegre: Artmed, 2009.

IMPERATORE, S. L. B.; PEDDE, V. “Curricularização” da Extensão Universitária no Brasil: questões estruturais e conjunturais de uma política pública. XIII Congreso Latinoamericano de EX- tensión Universitaria. 2015, Havana.

REGO, José Ivonildo do. O papel da universidade pública. Seminário Nacional REUNI. 8, 2010, Brasília. Anais ANDIFES, 2010, p. 41-59.

RIBEIRO, M. R. F. ; MENDES, F.F.F.; SILVA, E. A.. CURRICULARIZAÇÃO DA EXTENSÃO EM PROL DE UMA UNIVERSIDADE SOCIALMENTE REFERENCIADA. Revista Conexao Uepg, [S.L.], v. 14, n. 3, p. 334-342, 1 set. 2018. Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG). http://dx.doi.org/10.5212/rev.conexao.v.14.i3.0004.

UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO (UPE). Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão CEPE. Resolução CEPE nº 068/2017. Regulamenta a Política de Curricularização da Extensão nos cursos de Graduação da Universidade de Pernambuco - UPE. Recife, PE: UPE, 2017. Disponível em: http://www.upe.br/phocadownload/userupload/estudos/Resolucao_CEPE_068_2017_curricularizacao_extensaoPDF. Acesso em: 30 de maio de 2021.

UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO (UPE). Guia da creditação das atividades de extensão. Planejamento de atividades de extensão e caminhos para a creditação. Recife, PE: UPE, 2020.

Disponível em: http://www.upe.br/graducao/documentos/category/117-curriculariz%C3%A3o-credita%C3%A7%C3%A3o-da-extens%C3%A3o,.html. Acesso em: 30 de maio de 2021.

UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO (UPE). Projeto Pedagógico de Curso. Bacharelado em Medicina. Garanhuns, UPE, 2016.

UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO (UPE). Projeto Pedagógico de Curso. Licenciatura em Pedagogia. Garanhuns, UPE, 2017.

UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO (UPE). Projeto Pedagógico de Curso. Licenciatura em Computação. Garanhuns, UPE, 2018.

UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO (UPE). Projeto Pedagógico de Curso. Bacharelado em Engenharia Civil. Recife, UPE, 2020.

UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO (UPE). Projeto Pedagógico de Curso. Bacharelado em Engenharia de Controle e Automação. Recife, UPE, 2020.

UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO (UPE). Projeto Pedagógico de Curso. Bacharelado em Engenharia em Engenharia Mecânica. Recife, UPE, 2020.

UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO (UPE). Projeto Pedagógico de Curso. Bacharelado em Engenharia de Telecomunicações. Recife, UPE, 2020.

UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO (UPE). Projeto Pedagógico de Curso. Bacharelado em Engenharia Elétrica Eletrônica. Recife, UPE, 2020.

UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO (UPE). Projeto Pedagógico de Curso. Bacharelado em Engenharia Eletrotécnica. Recife, UPE, 2020.

UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO (UPE). Projeto Pedagógico de Curso. Bacharelado em Engenharia de Computação. Recife, UPE, 2020.

UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO (UPE). Projeto Pedagógico de Curso. Bacharelado em Sistemas de Informação. Caruaru, UPE, 2021.

UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO (UPE). Projeto Pedagógico de Curso. Bacharelado em Ciências Biológicas. Recife, UPE, 2021.

UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO (UPE). Projeto Pedagógico de Curso. Licenciatura em Educação Física. Recife, UPE, 2021.

UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO (UPE). Projeto Pedagógico de Curso. Tecnologia em Logística. Nazaré da Mata, UPE, 2021.

Publicado

2021-10-05

Como Citar

Silva, T. R. da, Rodrigues , C. M. de O., Silva, A. C. C. e, & Pessoa, C. F. (2021). ESTRATÉGIAS DE CREDITAÇÃO DA EXTENSÃO NOS CURRÍCULOS DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO. Vivências, 17(34), 55-70. https://doi.org/10.31512/vivencias.v17i34.545

Edição

Seção

Dossiê: Vivências de Curricularização da Extensão Universitária